RGLOOR .jpg
Rochele Gloor_cosmo_blusa gola alta seda

Sustentabilidade,diferenciação, estética, integridade, qualidade, inclusão, inovação, paixão.

 

Toda mulher tem o direito de expressar sua beleza natural e sentir-se confiante. Ao invés de seguir uma tendência, ela tem autonomia sob seu estilo, expressando assim a sua individualidade.

As peças são feitas com o cuidado de oferecer um produto de design com estética, caimento e estilo que poderá ser vestido por muitas estações.

Atualmente, a RGLOOR é um laboratório de experimentação de futuro da moda, interpretando soluções de maneira artística e colaborativa. Vemos no zero waste, na educação e na technologia digital, um cenário futuro ideal para a coexistência entre o ser humana e a natureza.

A missão da marca é interpretar uma moda globalizada visando a éstetica, integridade , inovação e conscientização sócio-ecológica aderindo ao contexto global por uma moda inclusiva, justa e responsável.

valorização do trabalho e costureira

conhecemos e treinamos todas as costureiras que trabalham nos nossos produtos em Porto Alegre e Grande Porto Alegre. O pagamento pelos serviços é de 1.5 a 3x acima do que uma facção oferece.

responsabilidade social 

realizamos projetos diversos com reaproveitamento de resíduos, com costureiras da comunidade do Morro da Cruz para geração de renda, qualificação, e empoderamento feminino. Fundamos e coordenamos o projeto de inclusão social Atelier da Cruz.

gerenciamento de resíduos

97% nossos resíduos são reaproveitados com costureiras da comunidade. 

RESPONSABILIDADE AMBIENTAL

A seda que utilizamos é naturalmente plissada, e possui textura e elasticidade naturais do tecido, sem produtos químicos, sem excessos de uso de água, com respeito aos tecelões e a comunidade.
 
Ela é feita de resto de casulos que sobram da produção de tecidos de seda (chiffon, crepe, cetin) da industria têxtil. A empresa paranaense, O Casulo Feliz, que compra esses casulos, também produz sua própria seda, com suas largatas felizes. Os dois materiais de seda são tecidos juntos em um tear semi industrial através de um processo quase artesanal de preparação do fio e tingimento.  Um tecido 100% natural, orgânico, luxuoso e que impacta positivamente o meio ambiente e respeita os trabalhadores de pequenas comunidades.

Zero waste é o método de criação, modelagem e mentalidade que temos nos focado desde 2018.

 

zero waste é uma solução para os problemas causados pelas moda...e vamos explicar isso com mais palavras logo mais...

Rochele Gloor_ profile picture_new carto

 ROCHELE GLOOR 

Rochele é estilista, designer, artista digital.

Atualmente, atua como diretora criativa da RGLOOR, onde experimenta cenários futuros da moda sustentável com foco na estética e no zero waste. Tem estado à frente na criação de produtos culturais utilizando artes integradas, música, audiovisual, e tecnologias digitais. Rochele está cursando mestrado em Creative Technologies na Illinois State University, e trabalha como bolsista na galeria de arte, University Galleries.

Suas inspirações vem principalmente da ciência, movimentos sociais, psiquê, assim como de certos períodos artísticos como o construtivismo russo, surrealismo e minimalismo. A experimentação através do toque e manipulação dos materiais são fundamentais para o trabalho quase que intuitivo da designer, que preza pelo caimento e resultado. Ela vem aprimorando  o processo Zero Waste nas suas coleções, que começou na sua vida em 2009. Ela acredita que a integração da educação com tecnologia digital pode auxiliar a sustentabilidade do nosso Planeta.

Bacharel formada com honras em Design de Moda pela FIT (Fashion Institute of Technology), em  Nova Iorque. Durante sua graduação, realizou colaborações em diversas áreas: figurino para campanha da Schwarzkopf, para a plataforma de design contemporâneo notjustalabel. Fez parte de uma das 10 coleções de graduação americanas escolhidas pela Vogue Talents da Itália.

Na Inglaterra, fez especialização em tricot computadorizado na NTU (Nottingham Trent University), realizando desenvolvimento de tecidos de tricot na Stoll com mentor William Hurlery, um dos primeiros desenvolvedores do tênis Flyknit da Nike.

Também estudou Artes e Design na San Francisco State University (SFSU), 2006/07 e Realizou exposicao beneficente de upcycling, "Discarded to Divine" pela Academy Of Art University, no De Young Museum, 2008.

 

Em Nova Iorque por 8 anos, trabalhou ao lado de importante nomes do design mundial. No atelier de alta costura de Ralph Rucci, fazia moulage de vestidos para clientes como Juliane Margulies, Gwyneth Paltrow e Carrie Underwood. Desenvolveu tricots na Oscar de La Renta trabalhando ao lado de Karlier Kloss, a stylist Natasha Royt e Orlando Pita. Na Calvin Klein Collection trabalhou no seleto time de direção criativa e design de Francisco Costa, com três dos seus designs nos editoriais da W Magazine e Vogue America, 2014. Trabalhou em pesquisa, desenvolvimento de produto, design e modelagem, em várias áreas de empresas americanas, tecidos, fios, design, design de tricot, estamparia.

Retornando a Porto Alegre, em 2016 fundou sua marca (que iniciou como RG Rochele Gloor) e, paralelamente, o Atelier da Cruz, projeto de empoderamento feminino e inclusão social com a costura.

Realizou curso de Direção de Arte com a super diretora Vera Hamburgo, pela Okna, RS. Em seu debut no cinema, cocriou e coproduziu o curta scifi experimental, Stardust, selecionado para a Mostra Gaúcha Competitiva no 47 festival de Cinema de Gramado, 2019. Teve seu primeiro curta para a RGLOOR, chamado Plastic Act I, entre os finalistas do Green Fashion Film da Aesthetica Concept. Tem realizado direcão de arte e figurino para artistas Adriana Deffenti, Clarice Nejar, Ju Qvdo, Patrick Rigon, stylist Leonardo Borniger, e para audiovisual Stardust, Sagrados e Profanos (episódio Art Nouveau), e Tramas da Moda 5 episódios Fashion Films.